RSS

Uma pedra sobre o assunto

sexta-feira, 2 de janeiro de 2009

2008. Zero Horas. Dia 31 de Dezembro. Quero fugir aos lugares comuns nestas alturas. Ás palavras de circunstância e da alegria breve e obrigatória. Rejeito os optimismos e a procura da felicidade já ao virar da esquina. Daí que coloco uma pedra no assunto. Até amanhã!

Não é bonita a morte
é preciso dizê-lo
e depois põe-se uma pedra
sobre o assunto.

Carlos Alberto Machado

7 comentários:

Teté disse...

OK! Com o tempo logo se vê como o ano correrá... por agora é mesmo de pôr uma pedra no assunto! :)

Abraço, Carlos!

Ahlka disse...

Uma pedra sobre 2008, ou sobre a fronteira da transição de ano? ;)

Carlos II disse...

Sobre a fronteira da transição de ano.

Pascoalita disse...

Tudop bem, eu ajudo/te a colocar a pedra sobre o assunto.

Roderick disse...

Colocar uma pedra... e passar por cima dela!

Rei da Lã disse...

"Ás palavras..."
A grafia indica que se trata de ás de trunfo, só pode...
A linguagem portuguesa não é fácil!
E claro está que os lugares-comuns (sim, com hífen) são-no mesmo...

Eheheheh!

Feliz Natal!

Laura disse...

Bem; lugares comuns nestas datas são os últimos dias do ano. Já os tive em profusão e em alegria, sei qque ainda tenho idade de me divertir, mas sem ter aqueles amigos especiais, por perto...não chego lá...essa das Boas entradas e melhores saídas, já enche, realmente.
A felicidade acho que já a tens em pleno e assim nem precisas de ver debaixo da cama se ela está lá.
Nos dias de hoje o mais que podes encontrar ao virar da esquina é um ladrão armado, assim; deixa-te estar em casa e confraterniza com a tua cara metade, se é que a tens!...
E senão a tens não precisas de entrar em pânico... vê tv, ouve música e agradece por poderes ouvir os sons, mesmo o som do silêncio e...nem sejas mal agradecido!...

Asssim, sê feliz moço amigo e os lugares comuns são onde por vezes nos sentimos mais abrigados e compreendidos... laura..