RSS

A Noite

quarta-feira, 18 de fevereiro de 2009


Foto tirada no silêncio de Góis em 2006


A noite sempre me fascinou desde os meus tempos de adolescente. No verão nas designadas férias grandes, havia longas dissertações nas esplanadas sobre música, cinema e claro está miúdas. Mas também gostava da solidão que a noite proporciona. No seu silêncio se faz o resumo do dia e a preparação do dia seguinte. Ajuda à reflexão, nostalgia, invenção e ao mistério.

Que melhor Daniel Filipe na "Invenção do Amor e outros poemas" para definir a noite.

Mas há a noite. O estar sozinho e no entanto acompanhado - servo de um deus estranho cumprindo o ritual jamais completo.

9 comentários:

Roderick disse...

Quando somos pequenos a noite nos domina, crescemos e a noite nos fascina!

Carlos II disse...

Que bonito, Roderick. Você é mesmo poeta.

Pascoalita disse...

Não sou adepta da noite. Lembro-me das minhas noites em criança, quando as noites eram negras e as estrelas brilhavam no céu.

Não me amedrointa, mas também não me fascina.

Talvez por falta de memórias de bons momentos nocturnos, tudo o que me fascina e seduz está ligado ao dia :)

Adryanna disse...

Linda foto!

O mistério anda no ar :))

Diabinha Cusca disse...

pois ... GOIS!

Barulho, concentração, adrelanina ...

Entendi-te :b)

Roderick disse...

Estás a falar a sério ou estás a gozar comigo?
;-)

Carlos II disse...

Pelo menos rimou! Ou foi por acaso?!

Laura disse...

Noite
Apenas a escuridão
Que vem de rompante
Assustar o viandante
Que atravessa estradas
Caminhos
E só quando a lua aparece
E as estrelhas
Entram a brilhar
É que o eterno viandante
Pode sossegar!...

Feito aqui e agora pelo que penso dela, é que; surdo se entra na floresta, no escuro, sem luz, sem lua, o medo entra, instala-se à vontade, e eu só consigo sossegar Se olhar o céu e vir as estrelas a brilhar!...
Beijinhos e um bom Domingo..laura e amanhã já vou ouvirrrrrrrrrrrrrr...

Diabinha Cusca disse...

Puxa! Aquilo ali no escuro não são muitos pares de olhinhos a espiar-nos? Xiça!!! Vou já dar de frosques eheheh