RSS

Café

terça-feira, 10 de fevereiro de 2009


Adoro café. Todos os dias bebo 4 "bicas", apesar das indicações médicas para só beber duas chávenas deste precioso néctar. Dose que foi aumentada desde que deixei de fumar. O primeiro do dia logo pela manhã é simplesmente divinal.

Ainda me lembro em pleno inverno, a minha avó fazer todos-os-dias, numa cafeteira de alumínio cheia de café de cevada e distribuir para os membros adultos da família, acompanhados com bolos em forma de oito que ela própria também fazia.

*
Um homem é o que ele lê, come e bebe na vida.
Logo deve escolher a melhor leitura, a melhor comida, e a melhor bebida, o café.
Johann Wolfgang von Goethe

5 comentários:

L.S. Alves disse...

Em casa bebo apenas duas. Mas no serviço eu nem paro pra contar e já cheguei a conclusão que se acabar o café aqui no trabalho a empresa para.
Um abraço e bons cafés.

Roderick disse...

Essa cevada, adorava colocar um pouco de coca-cola nela e acucar. Fazia uma efervescência que só visto! E sabia bem!

Pascoalita disse...

Creio que o meu record está em 6 bicas/dia!
4 e 5 bebi muitas vezes, mas ultimantente tinha reduzido para 3.

recentemente, por razões de saúde, resolvi reduzir ao café matinal que esse não dispenso. Adoro CAFÉ :)

Bem, como isto é temporário e como ando entusiasmada a por de lado os €€ que não gasto no coffee, não me fez impressão ver aqui a chávena, senão ...

jinhos

Adryanna disse...

Carlos II

Acho que Johann Wolfgang von Goethe omitiu o mais relevante eheh

Tenho poucos vícios e a vida já não é um mar de rosas ...

Se me privasse de café
me proibissem de ler
me impedissem de comer
me tirassem o sexo

que me prenderia neste planeta?

Carlos II disse...

Seu Alves,
Boa piada.

Roderick,
E como é que poderíamos chamar a esse refrigerante?

Pascoalita,
Já coloquei de parte os euros referente ao tabaco. Desisti. Fico só com a ideia que, de facto, ganho com isso para outros gastos.

Adriana,
Já tenho pensado nisso.
Se não me deixam fumar.
Comer aquilo que gosto.
Beber uma aguardente velha.
Apanhar sol no verão, e
beber uns cafezinhos, porque tudo faz mal.
Então o que estamos cá a fazer?

Bem, de sexo não falo.
Beij(s) às meninas e abraços aos meninos.