RSS

Fim de Citação

sexta-feira, 1 de maio de 2009

Vou apagar o "Luz itânia."

A minha intenção inicial ao criar o "Luz itânia" era fazer amigos e escrever sobre as grandezas e misérias de Portugal. Realçar os seus feitos históricos, os artistas, o património, os lugares e as suas gentes. Terminei com temas gerais e biográficos e outros assuntos, mais ou menos, generalistas. Não fui coerente.

Conto que voltem a visitar depois de um breve período de descanso, o meu novo blogue "Eloquente", http://o-eloquente.blogspot.com


Até já.

18 comentários:

Teté disse...

Não sei porque é que um blogue tem de ser coerente e cingido a certos temas pensados de início, mas tu lá sabes...

Aliás nunca tive intenção nenhuma de início, a não ser escrever para lá umas coisas que me passam pela cabeça... :)

Mas não apagues já, que é para podermos ter o endereço do outro, quando começares!

Abraço!

alanys disse...

Carlos, tenho pena, mas tu é que sabes.
O blogue obriga-me a registar para responder, é por isso que tenho comentado pouco. Hoje deixei a preguiça de lado definitivamente.

Bom fim de semana.

Cusca Endiabrada disse...

Oh :((

E precisas apagar?

dentadinhas

Carlos II disse...

Teté,
O endereço do outro está no post, no seu final.
Não vou apagar já.

Alanys,
Poderás visitar o novo. Tenho muito gosto.

Cusca,
Está bem, não vou apagar.
Acho o "Eloquente" mais bonito.

Desculpem o incómodo.

Abraços

Laura disse...

Já te ia perguntar onde era o cmainho para lá, mas, está aqui...Eu vou lá, eu sou leitora assidua, embora por vezes nem comente...beijinhos da laura..

Pascoalita disse...

Gostei do novo espaço e achei piada à coincidência de ter início exactamente no dia de aniversário duma amiga comum, que este ano coincidiu com o dia da mãe :)

Acontece que não sei o que fazer para lá comentar :((

Pascoalita disse...

Tomei nota do recado! A nossa amiga gostará de saber que o nino tem memória kafkaniana eheheh

Já agora, aproveito para dizer que está tudo bem com ela, apenas muitos afazeres a mantêm afastada.

Um beijo

Rafeiro Perfumado disse...

Se o objectivo deste blog era falar sobre esses assuntos, não te faltaria material para o resto da vida. Mas certamente que visitarei o outro.

Abraço e bom descanso!

Pascoalita disse...

decididamente não atino com a entrada da nova morada ... ou será que procuro algo que não existe? eheheh

De qualquer modo, só quero dizer que mantenho o interesse em ler-te.

Um beijo

L.S. Alves disse...

Fico feliz em saber que não irás apagar o Luzitânia. Esse é uym espaço que vale a pena ser visitado. Deixe suas palavras na rede com certeza elas serão úteis à alguém. Carlos já sigo pra te visitar na nova casa. Um abraço.

Carlos II disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Carlos II disse...

As definições de formulário de comentários do meu novo blogue até agora não estavam activadas correctamente, pelo que a partir de agora isso já vai sendo possível.

Obrigado.

Roderick disse...

Tenho um convite no blog.
Espero que aceites.

Ahlka disse...

Apaga nada! O Blog está repleto de recordações e vivências. Isso não se apaga :)

Vou dar um pulinho ao novo ;)

Folhetim Cultural disse...

Olá parabéns pelo trabalho e pelo blog. Gostaria que visitasse meu blog que é este: informativofolhetimcultural.blogspot.com
nos siga abraços
Ass: Magno Oliveira

**Viver a Alma** disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
**Viver a Alma** disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
**Viver a Alma** disse...

Como vai...
á terceira é de vez, espero!
Apaguei os outros 2 comentários, porque falhou a net.
Então...
confesso que não passei por aqui, para me visitar logo a seguir e comentar o meu blog. Ele não serve assuntos politiqueiros, elitistas ou libidinosos, como a maioria que prolifera por aí.
A minha idade já me faz ter uma visão menos turva dos acontecimentos e a forma por vezes ingénua como escrevo, também não alimenta os mais sedentos de acontecimentos escaldantes sejam quais forem as origens.
Hoje não visito ninguém, para impedir que a obrigatoriedade na retribuição se faça. E tem dado resultado.
As pessoas vão-se esquecendo de quem há 5 anos as visitou dias a fio e não mais voltou a incidir nessa parvoíce.
Assim sendo, só visito de quando em vez algumas pessoas que ainda me são caras, mas nem sempre as comento por não me agradar o que escreveram.
Hoje porém, não resisti e tive de ser crua na minha apreciação, porque não admito a ninguém nem a amigos ou sequer familiares que pratiquem vilanagens contra quem não conhecem ou se pode defender.
O facto de vir aqui, prende-se com o seu comentário no blog "São" onde me revi e muito embora a seja uma pessoa que respeito não pude deixar passar o que li sobre o Ruy de Carvalho - que por acaso é meu amigo e nunca defraudou as minhas expectativas.
Não posso dar abrigo a situações que se vêm repetindo e isso é preocupante, vindo de alguém que se tem mostrado inteligente.

E foi pela coerência, pela postura de coragem e correcta esem olhar a côres políticas, que vim aqui aplaudir o seu testemunho, tal como faria para com o Ruy de Carvalho. Compreenderá o que digo depois.
Que viva a ARTE da qual sou feita e duma solidão serena, silenciosa, e salutar. Sobretudo leve e libertadora - Livre de pesos, fardos, problemas, carências, enfim... tudo o que é denso e obstrui a evolução - que não o conhecimento universal, científico, onde se inclui o prémio pela "partícula de DEUS" - já que todos somos feitos á IMAGEM e SEMELHANÇA desse mesmo DEUS CREADOR.
A que ponto o homem chegou para se certificar do que sempre desde os primórdios deveria acreditar...sem experimentar. Seres de pouca fé! Mas deveras arrogante!
Não por fanatismo, ou postura doutrinária, faz falta á humanidade, manter uma postura de religiosidade que lhe permite enfentar
as adversidades com mais distanciamento, menos queixumes.É esta a lacuna existente em Portugal. Ser livre não passa pelas "liberdadedes" mas sim, por sermos ser humanos melhores e mais solidários.
Penso que se assim fosse muitos blogs nem precisariam existir, para destilarem o fel..

Cumprimento-o com consideração
Mariz